Consultoria especializada evita surpresas negativas futuras Blog

Os Estados Unidos voltaram a ser a bola da vez para brasileiros com mais renda interessados em sair do Brasil em busca de maior segurança ou pelas questões políticas e econômicas que o País enfrenta.
Com U$ 260 mil é possível, por exemplo, comprar um imóvel dentro de um condomínio fechado, na Flórida, com três quartos, piscina e churrasqueira. Para quem precisa contratar crédito para a compra, o processo de financiamento nos EUA é simples e as taxas de juros mais atrativas – enquanto no Brasil é de 10% ao ano, lá os juros são em torno de 3,5% e 4% ao ano.
Mas há uma série de cuidados necessários, conforme orienta o Dr. Giuliano Gobbo, advogado e corretor que presta consultoria especializada a estrangeiros interessados em investir no mercado imobiliário da Flórida.
Ele explica que é possível comprar imóvel como pessoa física ou jurídica, sendo a segunda opção a ideal por conta do imposto de sucessão, taxa cobrada que pode chegar a 40% do valor do imóvel, de pessoas físicas.
“Comprar no Brasil e nos EUA é bem diferente, as regras são distintas, por isso é muito importante contar com consultoria adequada, para que este processo seja feito corretamente, evitando surpresas negativas no futuro”, alerta Gobbo.